Produção

Até chegar à  mesa, o azeite passa por diversas fases de transformação:

Depois de colhida a  azeitona, chega ao Lagar do Parral onde é limpa e lavada para eliminar qualquer impureza ou corpo estranho, segue-se a sua pesagem.

Para garantir a qualidade do azeite, a azeitona é imediatamente laborada nas 24 horas seguintes à sua chegada ao Lagar.

Seguem-se os procedimentos de rastreabilidade a azeitona é separada por variedades e estados de maturação.

 Moenda

Nesta fase a azeitona é esmagada num Moinho de Martelos, por forma a obter uma massa de cor acastanhada com todos os constituintes da azeitona.

Termobatedura

Para a  extração é necessário proceder ao batimento lento e continuo da massa da azeitona,  na Termo-batedora, seguido de um aquecimento suave a menos de 25 º que ajuda as gotículas do azeite a unirem-se em gotas de maior dimensão.

Extração do azeite

Neste processo na Centrifuga/Decanter , a massa da azeitona  é sujeita a um movimento de rotação em alta velocidade provocando a separação do azeite das águas de bagaço de azeite. 

Após a separação do azeite, este é passado no filtro para retirar algumas pequenas  partículas que possam existir. 

Armazenamento

No final o azeite é armazenado em Depósitos de Inóx, onde permanece alguns dias  para decantação natural.

Antes de ser embalado  é enviada uma amostra de cada lote de azeite ao laboratório para a respetiva análise quimica e sensorial

Embalamento

Todo o processo de embalamento é realizado  no Lagar do Parral, onde são seguidos  todos os procedimentos do HACCP de forma a  garantir toda a segurança do produto.